O Connected Smart Cities tem como principal objetivo promover um debate no âmbito nacional, do qual resulte o crescimento de cidades inteligentes no país de forma planejada através de análises do desenvolvimento de indicadores como a economia, mobilidade, governo, meio ambiente, urbanismo e qualidade de vida. Para isso, a plataforma envolve empresas, entidades e governos para formular um diálogo que fortaleça a cooperação e aproximação de todos os envolvidos para lançar as bases para a construção de cidades inteligentes, humanas e conectadas.

Os eixos temáticos que caracterizam pilares para esse desenvolvimento são os de Cidades Conectadas, Urbanismo Sustentável, Mobilidade e Acessibilidade, Cidades Participativas e Engajadas, Cidades Empreendedoras e Cidades Prósperas. O Connected Smart Cities engloba o desenvolvimento de um Ranking de Smart Cities no Brasil, um Prêmio para as melhores iniciativas desenvolvidas para a melhoria das cidades, um Fórum que traz especialistas para a discussão dos principais temas relacionados ao desenvolvimento urbano e uma Expo que conta com a exposição de empresas patrocinadoras do projeto.

O Connected Smart Cities tem como visão a promoção de cidades inteligentes de forma que até 2025 as cidades brasileiras consigam subir ou mais de um degrau na escala do desenvolvimento, e que se aproximem dos modelos das cidades inteligentes do mundo. Para isso, o evento promove a construção de um espaço de deliberação e diálogo para entes federados, academia, sociedade e qualquer iniciativa que tenha como foco o desenvolvimento regional.

Dentro desse contexto, o público alvo do evento é bem abrangente: prefeituras e secretarias; gestores públicos federais, estaduais e municipais; empresários, engenheiros, arquitetos, urbanistas, advogados, consultores, planejadores e pensadores de organizações comprometidas com o desenvolvimento de cidades inteligentes; fundos de investimentos, bancos financiadores e organismos internacionais de fomento; investidores, incorporadores, construtores e real estate; startups; entidades de classe; e universidades. Todas essas partes estarão reunidas no próximo evento que acontecerá entre os dias 4 e 5 de setembro de 2018 no Centro de Convenções Frei Caneca em São Paulo.